Pesquisadora - Instituto Tecnológico Vale

Instituto
Tecnológico
Vale - ITV

Na Vale, buscamos as melhores tecnologias para oferecer recursos minerais essenciais à vida moderna com responsabilidade e respeito ao meio ambiente.

Por isso, criamos em 2009 o Instituto Tecnológico Vale (ITV), uma instituição sem fins lucrativos, de pesquisa e ensino de pós-graduação.

Seu objetivo é criar opções de futuro por meio da pesquisa científica e do desenvolvimento de tecnologias, expandindo o conhecimento e a fronteira dos negócios de maneira sustentável.


Atuação

As atividades do ITV preveem a integração entre três vertentes, sendo o eixo prioritário a pesquisa.

Pesquisa

Promover, difundir e realizar a pesquisa, a tecnologia e a inovação relacionadas à mineração, ao desenvolvimento sustentável, além de logística, energia e siderurgia.

Ensino

Desenvolvimento e qualificação do conhecimento técnico-científico por meio de pós-graduação, cursos de doutorado e mestrado acadêmicos e profissionais, assim como atividades de extensão e de iniciação científica.

Empreendedorismo

Incentivar a formação de pesquisadores-empreendedores preparados para liderar empresas de base tecnológica ou processos de transferência de tecnologia que possam resultar das pesquisas.

Mestrado

Desde 2013, o ITV oferece um mestrado profissional reconhecido pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), do Ministério da Educação. O curso é o primeiro do gênero a ser oferecido por um instituto vinculado a uma empresa do setor mineral. As inscrições para a turma de 2015 ocorreram de 1/10/14 a 19/11/14. Confira aqui o resultado final do processo de seletivo.

Destaques

O Instituto Tecnológico Vale atua em parceria com instituições renomadas de diversos países, como Austrália, Bélgica, Brasil, Israel, entre outros.

O Conselho Consultivo do ITV é composto por profissionais que são referências internacionais na comunidade de Ciência, Tecnologia e Inovação. O objetivo deste órgão é assessorar o ITV nas matérias de caráter técnico-científico, a fim de conferir maior eficiência e qualidade às suas decisões.

Para definição das linhas de pesquisa do ITV, foram realizados 8 workshops envolvendo a comunidade científica e a Vale, totalizando:
• 272 pesquisadores
• 149 especialistas da Vale

O ITV marcou presença na Rio+20, conferência da ONU realizada em 2012, no Brasil, por meio do fórum “Desenvolvimento Sustentável – Novas Dimensões para Sociedade e Negócios”. Nesse mesmo ano, organizou um simpósio com diversas universidades e instituições públicas e privadas para promover o debater sobre o clima na Amazônia e trouxe para o Brasil palestrantes internacionais para um debate.

Linhas de pesquisa

As linhas de pesquisa do ITV enfocam temas complementares ao Desenvolvimento Sustentável e à Mineração.
Conheça algumas delas:

  • Desenvolvimento Sustentável:
    Gestão de Águas, Sustentabilidade na Indústria da Mineração, Biodiversidade, Tecnologias para Monitoramento Ambiental, Climatologia, Sociologia, Bioenergia e Fotossíntese

  • Mineração:
    Exploração e Prospecção, Recursos Hídricos, Legislação, Comércio Exterior, Logística, Metalurgia, Meio Ambiente, Beneficiamento, Lavra, Automação.

  1. 2
  2. 2
Próximo Anterior

Localização

Até que as construções das sedes das unidades do ITV sejam concluídas, atualmente, as unidades estão em operação nos seguintes endereços:

ITV – Desenvolvimento Sustentável

Brasil, Pará

Rua Boaventura da Silva, 955. Nazaré.
CEP: 66055-090.
Belém, Pará, Brasil

ITV – Mineração

Brasil, Minas Gerais

Rua Tomé de Souza, 273, 2° andar - Funcionários.
CEP: 30140-130
Belo Horizonte, Minas Gerais, Brasil

Depoimentos

  • “O ITV tem na sua visão tornar-se uma instituição de referência em ciências e tecnologia. A partir de um grupo de alto nível de pesquisadores, o ITV realiza pesquisas com potencial para gerar novos conhecimentos em desenvolvimento sustentável e para a cadeia da mineração”.

    Humberto Freitas, Diretor-Executivo de Logística e Pesquisa Mineral da Vale.

  • “O ITV é uma iniciativa única que, potencialmente, ajuda a fazer com que o desenvolvimento seja mais sustentável não apenas em termos globais, mas também no Brasil e, especialmente, na crítica região amazônica. Sua louvável abordagem é abrangente, transdisciplinar, prática e inovadora – aplicando a estrutura de economia sustentável”.

    Mohan Munasinghe, ganhador do Prêmio Nobel da Paz enquanto presidente de um instituto de pesquisas que leva o seu nome, com sede no Sri Lanka, que trabalha em prol do desenvolvimento sustentável. O professor é membro do Conselho Consultivo do ITV.

  • “A Comunidade de Ciência e Tecnologia é parceira da Vale em seus ousados planos de pesquisa e desenvolvimento, atividades esta de que tanto necessita o Brasil em suas empresas, em consonância com nosso ideal de formularmos um plano estratégico de desenvolvimento para a área como política de Estado. E, assim, é com alegria que a Diretoria da Academia Brasileira de Ciências anuncia que tem hoje a Vale com um de seus Membros Institucionais”.

    Professor Jacob Palis, presidente da Academia Brasileira de Ciências (ABC).

Próximo Anterior