Tire suas dúvidas

Ouvidoria

Tire suas dúvidas

  • 1. Por que a Vale possui um Canal de Ouvidoria?

    A Vale possui este Canal como forma de aprimoramento de seus valores éticos, constituído em linha com o Código de Ética e Conduta, com os princípios de governança corporativa e com as legislações vigentes em cada país onde a Vale atua ou tem ações negociadas em bolsas de valores.

  • 2. Qual é a abrangência do Canal?

    A Ouvidoria receberá manifestações sobre quaisquer assuntos éticos pertencentes à Vale. Poderão ser encaminhadas denúncias sobre irregularidades ou impropriedades contábeis ou quaisquer outras questões de auditoria ou relacionadas a controles internos, normas, políticas, ética, direitos humanos e meio ambiente. O canal também pode ser usado para esclarecimentos de dúvidas relativas ao Código de Ética e Conduta e quando mecanismos regulares de resolução de problemas disponibilizados pelas Vale, como centrais de atendimento, por exemplo, não proporcionarem adequada solução a um problema já reportado.

    Caso as questões sejam da competência de outros meios de comunicação da Vale, a Ouvidoria buscará, dentro de suas possibilidades, orientar os manifestantes quanto à maneira mais adequada de encaminhamento.

  • 3. Quem pode utilizar a Ouvidoria?

    Empregados, fornecedores e clientes das empresas do Grupo Vale, além de membros da Diretoria Executiva, do Conselho de Administração, dos Comitês de Assessoramento, do Conselho Fiscal e representantes da comunidade.

  • 4. Quais são as opções para envio de denúncias pelo Canal?

    Existem 5 formas de realizar uma denúncias, são elas: formulário eletrônico, telefone, e-mail, carta ou pessoalmente ao Ouvidor. Clique aqui e acesse a página com o detalhe das opções para denúncias.

    Atenção: para empregados da Vale no Canadá, as denúncias sobre possíveis irregularidades ou impropriedades relacionadas ao local de trabalho e os empregados devem ser reportadas diretamente à Gerência local. Tais como:

    - Aspectos de Saúde e Segurança do Trabalho que imponham riscos à vida;
    - Violência, bullying, ameaças ou assédio no local de trabalho;
    - Assédio sexual envolvendo empregados;
    - Questões relacionadas ao local de trabalho, por exemplo, disciplina, promoções, indicações de trabalho, escalas, etc.
    - Reclamações relacionadas às obrigações locais da empresa em relação ao meio ambiente

  • 5. Posso realizar denúncias anônimas?

    Sim. Não é necessário se identificar para realizar uma denúncia, embora denúncias identificadas facilitem a apuração do caso. Caso o denunciante decida se identificar, o sigilo e a confidencialidade serão garantidos durante todo o processo.

  • 6. Quanto tempo leva para eu receber uma resposta?

    O tempo para a conclusão da apuração de uma denúncia dependerá da complexidade da mesma.

  • 7. É possível acompanhar o andamento dos relatos? Como faço para acompanhá-los?

    Quem utilizar o telefone, e-mail e o formulário eletrônico receberá um número de protocolo que poderá ser utilizado, posteriormente, para o encaminhamento de informações adicionais, ou ainda para a verificação do andamento e do resultado da investigação. Acesse aqui para verificar o andamento de uma denúncia.

  • 8. Para quem são encaminhadas as denúncias recebidas?

    As denúncias são encaminhadas à Diretoria de Ouvidoria subordinada ao Presidente do Conselho de Administração da Vale.

  • 9. Qual área será responsável pela condução e verificação das informações enviadas ao Canal de Ouvidoria?

    A Diretoria de Ouvidoria é a área delegada pelo Conselho de Administração para liderar as apurações das denúncias ou outros assuntos oriundos do Canal, bem como gerenciar o fluxo de informações junto ao Conselho de Administração.

  • 10. Como o Presidente do Conselho de Administração será comunicado do resultado da apuração?

    A Diretoria de Ouvidoria emite um relatório sobre o resultado de cada apuração incluída no escopo do Canal diretamente ao Presidente do Conselho de Administração, registrando as evidências obtidas para as situações relatadas, bem como as ações cabíveis para a resolução das irregularidades.

  • 11. De que forma a Ouvidoria atua e qual seu procedimento?

    Após serem reportadas para a Ouvidoria, as denúncias passam por uma triagem rigorosa onde é verificado, por exemplo, se possuem informações suficientes para a apuração. Para as denúncias que não contêm informações suficientes, a Ouvidoria pode solicitar mais dados via página de acompanhamento da denúncia. O denunciante terá um prazo de 30 dias para o retorno das informações adicionais. As denúncias que são viáveis de serem investigadas são encaminhadas para apuração. A Ouvidoria tem o compromisso de buscar uma resolução rápida e ágil para a denúncia e também de identificar oportunidades de melhoria nos processos da Vale. Encerrada a apuração as medidas cabíveis são tomadas e a denúncia é fechada.

  • 12. O que não é escopo da Ouvidoria? O que a ouvidoria não faz?

    - Não apuramos denúncias que não possuam informações suficientes para a investigação.

    - Não tratamos questões pessoais ou privadas sem relação com a atuação da Vale.

    - Não modificamos os processos internos, mas contribuímos para a melhoria desses.

    - Não respondemos questões de primeira instância que são tratadas por outros canais de atendimento da Vale.

  • 13. Quais são os outros canais de comunicação da Vale?

    É por meio do diálogo e da confiança que a Vale espera ter elementos suficientes para entender as demandas da sociedade e contemplá-las. Possuímos um canal de comunicação e atendimento a dúvidas, reclamações, sugestões e elogios: o Fale Conosco. Clique aqui para acessá-lo.

  • 14. Posso sofrer retaliação por fazer uma denúncia?

    Em todos os casos, é assegurada a confidencialidade, independência, imparcialidade e isenção no tratamento, apuração e arquivamento das informações recebidas. Da mesma maneira, estão assegurados os direitos do remetente e das pessoas citadas, sendo vedado qualquer tipo de retaliação àqueles que de boa fé utilizarem esse espaço, independentemente do resultado da apuração. Essa ferramenta deverá ser utilizada de forma consciente para credibilidade do processo.

  • 15. Só posso efetuar denúncias se tiver evidências concretas do ocorrido?

    É muito importante que as denúncias sejam baseadas em fatos que ajudem na apuração. Na falta de evidências concretas podem ser utilizadas testemunhas que devem ser indicadas na denúncia. Caso as informações não sejam suficientes para a adequada apuração, a Ouvidoria vai solicitar informações adicionais que devem ser fornecidas em até 30 dias pelo denunciante.

  • 16. Só posso denunciar situações que ocorrem no momento ou posso denunciar casos passados?

    Sim, você pode denunciar casos ocorridos no passado.

  • 17. Caso a denúncia seja confirmada que penalidade o denunciado pode sofrer?

    Sempre que a denúncia é confirmada, ações corretivas são tomadas e podem envolver penalidades cuja severidade varia dependendo do tipo da denúncia e dos fatos relatados. As ações podem variar desde um simples comunicado aos superiores, aconselhamento com o RH, programação de coaching, advertências formais, podendo chegar até a uma demissão (por justa causa ou não).

  • 18. Caso a denúncia seja confirmada o denunciante é comunicado do encerramento do caso e das penalidades e ações aplicadas ao denunciado?

    Sendo a denúncia confirmada ou não sempre que ela é encerrada o denunciante tem acesso a essa informação na página de acompanhamento das denúncias.

    Quanto às ações e penalidades sofridas pelo denunciado, em geral não comunicamos ao denunciante as medidas adotadas para respeitar o direito a privacidade de todos os envolvidos.

  • 19. O que é assédio moral e qual seu conceito?

    “O assédio moral é caracterizado por condutas que expõem, repetida e sistematicamente, uma pessoa a situação humilhante ou constrangedora na empresa (...). O assédio moral tem como objetivo desestabilizar uma pessoa moral ou emocionalmente.”

    Exemplos de condutas que configuram assédio: Confiar tarefas inúteis, degradantes ou com prazos impossíveis, agressões verbais ou através de gestos, ameaças explícitas ou veladas, exposição ao ridículo, utilizar o empregado como exemplo de baixa performance, atribuição de tarefas estranhas à atividade profissional.

1 de 2

Ainda tem dúvidas?

Caso você queira enviar uma nova dúvida sobre o Código de Ética e Conduta ou sobre a Ouvidoria ou queira falar sobre qualquer outro assunto utilize o canal de comunicação da Vale - Fale Conosco.

Clique aqui