Drones ajudarão no combate à dengue em Brumadinho

Sobre a Vale

19/09/2019

Drones ajudarão no combate à dengue em Brumadinho

A Secretaria Municipal de Saúde de Brumadinho, com o apoio da Vale, retoma o combate à dengue no município. Após realização de fumacê, de fevereiro até junho, o trabalho agora prevê o lançamento de larvicida nos criadouros do Aedes aegypti, por meio de drones.

O foco da ação são locais de difícil acesso, como calhas, telhados, lajes, imóveis vazios, terrenos baldios, etc. A iniciativa, cujo objetivo é diminuir a incidência de dengue e outras doenças, não interfere nas demais ações desenvolvidas pelo município e não substitui as inspeções periódicas que cada morador deve realizar no interior de suas propriedades.

Segundo o Ministério da Saúde, 80% dos criadouros de Aedes aegypti são encontrados dentro de casas ou quintais. Áreas de difícil acesso podem impossibilitar o combate por parte de agentes comunitários ou dos próprios moradores, assim, a nova tecnologia, com a utilização de drones será um importante auxílio nessas áreas.

Imagem de homem entregando panfleto para moradora, na porta de sua casa
Residências foram visitadas para informar do início do trabalho com drones

A operação será coordenada pela Secretaria Municipal de Saúde de Brumadinho e contará com um moderno sistema de monitoramento via drones para localizar os focos e repassar as localizações para a Vigilância Epidemiológica. Após a identificação do risco e da autorização do proprietário do imóvel, o produto utilizado no combate às larvas é acoplado ao drone e acionado no local identificado. A substância não possui toxicidade, não contamina o meio ambiente, é recomendada pelo Ministério da Saúde e já é utilizada pela Secretaria Municipal de Saúde do município para controle de criadouros de dengue. Toda a cidade será mapeada e os criadouros tratados, conforme necessidade identificada pela Secretaria Municipal de Saúde. A operação vai contemplar os 30 bairros da cidade


Drones ajudarão no combate à dengue em Brumadinho