Confira 10 dicas para manter a saúde emocional durante o isolamento domiciliar

Sobre a Vale

26/03/2020

Confira 10 dicas para manter a saúde emocional durante o isolamento domiciliar

Lugares públicos fechados, eventos cancelados, aulas em recesso, comércio fechado, necessidade de trabalhar de casa. Você já está há alguns dias vivendo esta realidade e sabemos que estar em isolamento é uma situação incomum para a maioria das pessoas. Por isso, compartilhamos algumas informações e dicas para ajudar nesta fase difícil.


Mantenha contato com as pessoas e com assuntos de seu interesse.

É essencial manter contato com o que é importante para você e respeitar suas próprias emoções. Fale sobre elas com outras pessoas em isolamento. Você provavelmente vai descobrir que elas também estão passando por coisa semelhante. Isso nos faz sentir mais próximos e mais humanos.

Poupe sua mente do volume de informações dos jornais

Estabeleça horários para ver as notícias, de preferência nos mesmos horários, e pelo mesmo tempo que você fazia antes do isolamento.

Estabeleça e mantenha uma rotina.

Coloque um calendário em local visível para você ter uma noção de tempo e seguir o que você planejou. Deixe o alarme tocar na hora que sempre tocou. Faça sua higiene como sempre fez. Alimente-se nos mesmos horários. Durma bem.

Demonstre afeto

Crises como essas são oportunidades de dizer o quanto você se importa com alguém, e talvez descobrir que aquele amigo que se afastou de você ainda lhe quer muito bem.

Compartilhe experiências

Antes de achar que você é estranho, compartilhe com pelo menos mais duas pessoas vivendo situação semelhante. Você provavelmente vai descobrir que não é tão estranho assim. Esse é um momento de solidariedade e empatia!

Mantenha ou crie hábitos saudáveis

Esteja sempre hidratado, alimentado, e com o sono em dia.

Alimente-se bem

Alimentos gordurosos e industrializados em demasia podem trazer sensações de cansaço e desânimo, contribuindo para questões mais profundas de saúde mental.

Tente se exercitar em casa

Há diversas opções de aplicativos e sites que compartilham exercícios de diferentes níveis que podem ser feitos em casa, sem aparelhos ou equipamentos. 

Use a tecnologia a seu favor

Inúmeros aplicativos e vídeos gratuitos ensinam técnicas de relaxamento, respiração, alongamento, entre outros.

Cuidado com o abuso de álcool ou outras drogas

Emoções fora do controle podem criar uma armadilha. Tente lidar com elas de outras formas. Sua saúde mais forte nesse momento é uma proteção extra para você.



Atendimento psicológico

Se mesmo seguindo estas dicas estiver difícil lidar com a situação, a recomendação é buscar ajuda de um profissional qualificado. Você pode entrar em contato com psicólogos por ferramentas virtuais como whats app e skype. Caso não conheça um profissional neste ramo, há alguns sites que estão oferecendo atendimento online gratuito. Pesquise e encontre a melhor opção para você!

Entenda a diferença entre isolamento, quarentena e distanciamento social

Isolamento é para pessoas com suspeita ou quando há confirmação de infecção por coronavírus de maneira a evitar a propagação do vírus. Neste caso, é utilizado o isolamento em ambiente domiciliar, conforme recomendação médica, por um prazo de 14 dias, podendo ser feito em hospitais públicos ou privados a depender do estado clínico do paciente. Sair de casa apenas em situação emergência.

Quarentena é a restrição de atividades ou a separação de pessoas suspeitas de contaminação das pessoas que não estejam doentes e poderá durar até 40 dias, podendo se estender pelo tempo necessário para reduzir a transmissão comunitária e garantir a manutenção dos serviços de saúde no território.

Distanciamento social é o afastamento voluntário para diminuir a proximidade física com outras pessoas como forma de minimizar a propagação do vírus. Isso inclui não frequentar locais onde haja aglomerações, como por exemplo, cinema, praia, shows, shopping, estádios, bares ou salas de aula, e até mesmo elevadores cheios e transporte público.


Fontes:

Associação Americana de Psicologia (APA) e Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) dos Estados Unidos e Ministério da Saúde do Brasil

​​​​

Confira 10 dicas para manter a saúde emocional durante o isolamento domiciliar