Vale iniciará depósito de rejeitos na cava de Feijão

Sobre a Vale

30/12/2019

Vale iniciará depósito de rejeitos na cava de Feijão

A Vale informa que foi autorizada pela Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad) a utilizar a cava da mina Córrego do Feijão para depositar o rejeito que já foi inspecionado e liberado para disposição final pelo Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais. Essa ação facilitará o trabalho de buscas dos Bombeiros em áreas ainda não vistoriadas, sendo etapa fundamental para a recuperação de áreas atingidas.

O uso do local é a solução definitiva e mais segura para acomodar o rejeito, uma vez que a cava é uma escavação realizada em rocha resistente, controlada e monitorada em termos ambientais, geotécnicos e operacionais. Além disso, a cava tem capacidade para receber o volume de rejeito que precisa ser armazenado. O transporte do rejeito até a local será realizado por caminhões, utilizando exclusivamente vias internas do complexo da Vale.

IMAGEM DA CAVA
Cava da mina Córrego do Feijão, onde será depositado o rejeito que for liberado pelo Corpo de Bombeiros

A liberação da cava foi concedida pela Semad e comunicada à Agência Nacional de Mineração (ANM). A Vale já entregou aos órgãos competentes o Plano Integrado de Manejo de Rejeitos e Resíduos.

A companhia reforça seu compromisso em cumprir a legislação ambiental durante todo o processo, além de prestar contas periodicamente aos órgãos competentes.

​​
​​

Vale iniciará depósito de rejeitos na cava de Feijão