Trem de Passageiros da EFVM

Trem de Passageiros da EFVM

A Estrada de Ferro Vitória a Minas (EFVM) opera o único trem de passageiros diário no Brasil que liga duas regiões metropolitanas: Cariacica (ES) e Belo Horizonte (MG).

Às 7h, um trem parte de Cariacica, na região metropolitana de Vitória, Espírito Santo, e chega a Belo Horizonte, Minas Gerais, por volta de 20h10; no sentido inverso, um trem parte da capital mineira às 7h30 e encerra a viagem às 20h30. Há também um trem adicional que faz o percurso entre Itabira e Nova Era, ambas em Minas Gerais.

A passagem deve ser comprada com até 30 minutos de antecedência da saída do trem. Após esse prazo, os guichês só fazem a venda de bilhetes para as viagens programadas para o dia seguinte.

Em funcionamento desde 1907, o serviço transporta cerca de um milhão de passageiros por ano e percorre 664 quilômetros de regiões de belas paisagens e importância histórica. A viagem dura aproximadamente 13 horas.

No trem, há vagão que funciona como lanchonete, outro para restaurante, vagão exclusivo para portadores de necessidades especiais e ar-condicionado no carro executivo. Há serviço de bordo em todos os ambientes.​

Leia mais
Procedimentos de viagem Perguntas Frequentes
  • Troca de dados

    Uma nova melhoria implantada no sistema de compras online de passagens do Trem de Passageiros da Estrada de Fero Vitória a Minas permite agora a realização da troca de titularidade do viajante no próprio site (www.vale.com/tremdepassageirosefvm) com até 24h de antecedência do horário de embarque. Caso as passagens já tenham sido emitidas, a troca só será permitida nos guichês das bilheterias das estações. Importante destacar que as passagens são nominais e quaisquer divergências dos dados pessoais nas passagens impossibilita o embarque. Importante destacar que as passagens são nominais e quaisquer divergências dos dados pessoais nas passagens impossibilita o embarque.

    Confira o passo a passo para realizar a troca de titularidade das passagens:

    1 - Clique no botão “Compra Online”;

    2 – Caso seja o primeiro acesso, faça o cadastro clicando em “Cadastre-se”. Se já possui cadastro, insira e-mail cadastrado e senha;

    3 - Clique na opção “Editar dados da passagem”;

    4 – Escolha a opção “Editar os dados do passageiro”;

    5 - Selecione a passagem que deseja alterar os dados, insira as novas informações e clique em salvar.

    Observação: Caso apareça a mensagem em vermelho no topo da tela “Bilhetes já impressos, favor solicitar a troca de titularidade pela bilheteria”, a troca dos dados do passageiro deverá ser realizada diretamente na bilheteria com até 30 minutos de antecedência do embarque.

  • Compra de passagem

    Além da compra online, o Trem de Passageiros da EFVM conta com alguns pontos de venda externos ao longo da ferrovia, tudo isso para facilitar a compra e melhorar ainda mais sua viagem.

    A compra de passagem poderá ser feita com antecedência de até 60 dias nos pontos de vendas, estações ou internet. Nos locais de embarque, as compras podem ser feitas no mínimo com 30 minutos de antecedência ao horário de partida do trem. Após esse horário, somente serão vendidas passagens para os dias seguintes.

    Para a compra de passagem, você pode apresentar um documento oficial com foto que permita a sua identificação, por exemplo: carteira de identidade (RG); carteira nacional de habilitação (CNH); carteira de identidade emitida por conselho ou federação profissional, com fotografia (OAB, CREA e outras); carteira de trabalho; passaporte válido; cartões de identificação expedidos pelos Poderes Judiciário e Legislativo Federal ou estaduais; documento expedido por ministério ou órgão subordinado à Presidência da República. São aceitos somente documentos originais ou cópias autenticadas.

    O pagamento pode ser realizado no dinheiro e cartão de credito. É possível parcelar a compra em até 5 vezes no cartão na compra pela internet e, nas bilheterias em até 3 vezes. Promoções são divulgadas aqui no site, nas estações e interior do trem.

    Crianças com até 5 anos não pagam passagem, mas devem viajar no colo dos pais ou responsáveis. Crianças com 6 anos ou mais pagam o valor integral da passagem. Para bebês ou crianças de colo, transportadas em cadeirinhas, é necessário comprar a passagem para o assento extra.

    É obrigatório o preenchimento dos dados dos passageiros corretamente no ato da compra da passagem visto que a passagem é um documento nominal, e conforme Decreto 4308/14 art. 10, o passageiro poderá ser impedido de viajar caso seja verificado incoerência dos dados e não houver tempo hábil para a realização da troca antes da finalização do embarque.

  • Tipos de passagem

    . Tarifa Normal – Tarifa integral.

    . Benefício Idoso (Decreto 5.934) – Econômica – Passagem concedida conforme regulamenta a legislação 5.934/06 na classe econômica a idosos maiores de 60 anos com renda comprovada inferior a 2 salários mínimos ,podendo ser gratuita (2 passagens por comboio ferroviário) ou 50% da tarifa(para os demais idosos que comparecerem para compra após a venda das passagens gratuitas).

    . Passe PCD (Decreto 3.691/00)- Pessoas com Deficiência - Passe para portadores de deficiência na classe econômica que possuam a Carteira do Governo Federal conforme Decreto 3691/00.

    . Bilhete de Viagem do Jovem (Decreto 5.063) - Passagem concedida conforme regulamenta a legislação 5.063/2016 na classe econômica podendo ser Gratuita (2 passagens por comboio ferroviário) ou 50% da tarifa (para os demais jovens que comparecerem para compra após a venda das passagens Gratuitas).

    A aquisição de passagens por pessoas com deficiência, jovem baixa renda ou idosos por meio de fraude de idade, falta de apresentação de documento exigido pela legislação ou falsa declaração de necessidade especial acarretará em impedimento do embarque e cancelamento da passagem sem qualquer direito a reembolso, uma vez que tal conduta caracteriza crime previsto no art. 299 do Código Penal.

  • Passagem Jovem Baixa Renda

    . Conforme Decreto 5063/2016, serão concedidas passagens na classe econômica a pessoa com idade entre quinze e vinte e nove anos pertencente à família com renda mensal de até dois salários mínimos, inscrita no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal - CadÚnico e portador da Carteira de Identidade Jovem emitida pelo Governo Federal. Essa passagem pode ser gratuita (2 passagens por comboio ferroviário) ou 50% da tarifa (para os demais jovens que comparecerem para compra após a venda das passagens Gratuitas).

    Para a compra deste bilhete é necessária a apresentação de documento de identificação oficial com foto e a Carteira de Identidade Jovem emitida pelo Governo Federal.

    “A aquisição de passagens na categoria Jovem Baixa Renda por meio de fraude de idade ou não apresentação da Carteira de Identidade Jovem emitida pelo Governo Federal no momento da aquisição, retirada do bilhete ou embarque, acarretará no impedimento do embarque e cancelamento da passagem sem qualquer direito a reembolso, uma vez que tal conduta caracteriza crime previsto no art. 299 do Código Penal.” Saiba mais.

  • Tipo de classes

    Ao comprar a passagem é disponibilizada 3 classes de passagens:

    - Executiva - 3 assentos por fileira, tomadas elétricas individuais, luz de leitura, áudio individual, descanso de pé,poltronas: mais largas, mais confortáveis e ângulo maior de reclinação.

    - Econômica - 4 assentos por fileira, 1 tomada elétrica a cada dois assentos, poltrona com deslocamento do assento trazendo uma leve reclinação.

    - Cadeirante - carro exclusivo para embarque de pessoas que utilizam cadeira de rodas.

    A aquisição de passagens para o carro cadeirante sem que o passageiro seja cadeirante ou acompanhante de um cadeirante ensejará o impedimento do embarque e encaminhamento para a bilheteria para cancelamento e emissão de nova passagem em outra classe. Caso a solicitação seja feita com menos de 3 horas do início da viagem o passageiros perderá o direito a reembolso e a remarcação, uma vez que tal conduta caracteriza crime previsto no art. 299 do Código Penal.

  • Alteração da data de viagem

    Para fazer qualquer mudança na sua viagem ou até mesmo o cancelamento, você poderá realizar até três horas antes da partida do trem na estação de embarque.

    Conforme norma estabelecida pela ANTT, de número 4282/2014, os cancelamentos com até 3 horas de antecedência irão gerar multa de 5%. Após as 03 horas de antecedência, não será permitido o cancelamento da passagem. sendo possível somente a remarcação da data da viagem com cobrança de multa de 20%.

  • Confirmação de horário de chegada e partida

    Para saber o horário que o trem de passageiros passará em sua localidade, a Vale disponibiliza aos passageiros um número exclusivo: 0800 285 7000. Escolha o mais próximo de você e garanta logo sua passagem para aproveitar de belas paisagens e vivenciar novas histórias.

  • Documentos para embarque

    Carteira de identidade, carteira de habilitação, carteira de trabalho, carteira de conselhos regionais de trabalho ou passaporte válido.

    Em caso de furto, roubo ou extravio de documento, será aceito o Boletim de Ocorrência contendo os dados de todos os documentos roubados.

    Conheça a seguir os procedimentos para embarques de menores, idosos e pessoas com necessidades especiais.

    Para o embarque de passageiros estrangeiros a apresentação do passaporte é obrigatória. Ele será o único documento aceito, exceto para os passageiros provenientes de países participantes do Mercosul.

  • Embarque de menores

    Menores de 12 anos devem estar acompanhados dos pais ou responsáveis legais e apresentar o documento de identidade junto de documento do responsável que comprove parentesco com a criança.

    Quando desacompanhados dos pais ou responsáveis legais, os menores só poderão embarcar mediante apresentação de autorização do Juizado da Infância e Juventude. Somente serão aceitos documentos originais ou cópia autenticada.

    Para os maiores de 12 anos e menores de 18 anos só serão aceitos para embarque documentação de identificação com foto conforme Resolução 4308/2014 da ANTT.

    Crianças com até 5 anos não pagam passagem, mas devem viajar no colo dos pais ou responsáveis. Crianças com 6 anos ou mais pagam o valor integral da passagem.

    É possível levar cadeirinha para bebês, desde que ela caiba no assento do trem. Nesse caso, como a criança não será transportada no colo, é necessário comprar a passagem para o bebê.

    Conforme determinação da resolução 4.308/2014 e 4.282/2014 da ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres), a partir do dia 24 de novembro de 2015 será obrigatório emitir cupom de embarque para crianças até 05 (cinco) anos no colo. O objetivo é identificar todos os passageiros embarcados no trem. O bilhete não tem custo!

  • Embarque de idosos

    O Estatuto do Idoso prevê duas vagas gratuitas por trem para passageiros de 60 ou mais anos (renda igual ou inferior a dois salários mínimos). Se essas vagas já estiverem ocupadas, o passageiro com esse perfil terá 50% de desconto (válido apenas em viagens interestaduais e na classe econômica), apresentando identidade e comprovante de renda.

  • Embarque de pessoas com necessidades especiais

    O Trem de Passageiros da Estrada de Ferro Vitória Minas possui um carro exclusivo para passageiros cadeirantes e seus respectivos acompanhantes, além de dois assentos gratuitos. Já na classe econômica é disponibilizada uma poltrona para atender as pessoas com dificuldade de locomoção, obesos e gestantes.

  • Deficientes auditivos

    Os deficientes auditivos também contam com um canal de comunicação com o trem de passageiros: o telefone 0800 021 9934. Por meio dele, é possível obter informações específicas sobre os procedimentos.

  • Bagagem

    O limite de bagagem no trem é de 35 quilos.

    O passageiro pode fracionar esse limite em mais de um volume, que devem ser acomodados no bagageiro acima das poltronas.

    É proibido levar: animais (exceto cães-guia), armas, explosivos, inflamáveis, solventes, produtos perecíveis e outros produtos perigosos.

  • Transporte de animais

    Não é permitido levar animais no trem, exceto cães-guia.

    O cão-guia deve ser transportado gratuitamente, ao lado de seu dono e sob seu controle, na primeira poltrona. O animal deverá estar equipado com arreio e dispensado do uso de focinheira. É obrigatória a apresentação da carteira de identificação e plaqueta de identificação, expedidas pelo centro de treinamento de cães-guia ou pelo instrutor autônomo, que devem conter as seguintes informações:

    No caso da carteira de identificação:

    1. nome do usuário e do cão-guia;
    2. nome do centro de treinamento ou do instrutor autônomo;
    3. número da inscrição no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica - CNPJ do centro ou da empresa responsável pelo treinamento ou o número da inscrição no Cadastro de Pessoas Físicas - CPF do instrutor autônomo;
    4. foto do usuário e do cão-guia.

    No caso da plaqueta de identificação:

    1. nome do usuário e do cão-guia;
    2. nome do centro de treinamento ou do instrutor autônomo; e
    3. número do CNPJ do centro de treinamento ou do CPF do instrutor autônomo.

    Itens obrigatórios:

    Carteira de vacinação atualizada, com comprovação da vacinação múltipla e anti-rábica, assinada por médico veterinário com registro no órgão regulador da profissão.

    Equipamento do animal, composto por coleira, guia e arreio com alça.

    A plaqueta de identificação deve ser utilizada no pescoço do cão-guia.

  • Canais de atendimento – dúvidas, sugestões ou reclamações

    Para dúvidas, sugestões ou reclamações sobre o trem de passageiros da Estrada de Ferro Vitória a Minas, você conta com um número exclusivo: 0800 285 7000.

    O Alô Ferroviais é um canal direto com a comunidade que funciona 24 horas e 7 dias na semana. Nesse mesmo telefone é possível saber o horário de chegada e partida dos trens. A ligação é gratuita.

    O Trem de Passageiros possui ainda:

    Um canal de comunicação para deficientes auditivos: 0800 021 9934.

  • Empresas de Turismo

    Se a sua empresa vai fazer uma excursão utilizando como meio de transporte o Trem de Passageiros da Estrada de Ferro Vitória a Minas (EFVM) clique aqui, faça um cadastro e receba notícias em primeira mão sobre o Trem, tais como regras, novos procedimentos, informações sobre a viagem. Assim, o seu grupo terá uma viagem ainda mais tranquila e de belas paisagens.

Para viajar no trem da Estrada de Ferro Vitória a Minas (EFVM), você pode comprar a passagem em 23 pontos de venda físico ou online, com cartões de débito ou crédito Visa e Mastercard. Já para comprar viajar a Estrada de Ferro Carajás (EFC), é necessário dirigir-se a uma estação de compras. Não há venda online.

Caso tenha alguma dificuldade, consulte as dúvidas mais frequentes abaixo ou visite a seção Fale Conosco.

  • Quais são os documentos obrigatórios para embarque?

    Carteira de identidade, carteira de habilitação, carteira de trabalho, carteira de conselhos regionais de trabalho ou passaporte válido.

  • Empregados da Vale viajam gratuitamente?

    Sim, assim como seus dependentes, e é preciso apresentar crachá funcional e carteira de identidade. Aposentados da Vale e dependentes também viajam gratuitamente e devem apresentar a identificação da Valia. Para a EFC, ex-empregados e aposentados Vale devem retirar os bilhetes no setor de Recursos Humanos.

  • Crianças pagam passagem no trem de passageiros?

    Crianças com até 5 anos não pagam passagem, mas devem viajar no colo dos pais ou responsáveis. Crianças com 6 anos ou mais pagam o valor inteiro da passagem.

  • Quais documentos devo apresentar para viajar com menores de 18 anos?

    Menores de 12 anos devem estar acompanhados dos pais ou responsáveis legais e apresentar o documento de identidade junto de documento do responsável que comprove parentesco com a criança.

    Quando desacompanhados dos pais ou responsáveis legais, os menores só poderão embarcar mediante apresentação de autorização do Juizado da Infância e Juventude. Somente serão aceitos documentos originais ou cópia autenticada.

    Para os maiores de 12 anos e menores de 18 anos só serão aceitos para embarque documentação de identificação com foto conforme Resolução 4308/2014 da ANTT.

    Conforme determinação da resolução 4.308/2014 e 4.282/2014 da ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres), a partir do dia 24 de novembro de 2015 será obrigatório emitir cupom de embarque para crianças até 05 (cinco) anos no colo. O objetivo é identificar todos os passageiros embarcados no trem. O bilhete não tem custo!

  • Maiores de 60 anos viajam gratuitamente?

    O Estatuto do Idoso prevê duas vagas gratuitas por trem para passageiros de 60 ou mais anos (renda igual ou inferior a dois salários mínimos). Se essas vagas já estiverem ocupadas, o passageiro com esse perfil terá 50% de desconto (válido apenas em viagens interestaduais e na classe econômica), apresentando identidade e comprovante de renda.

  • Qual o limite de bagagem?

    35 quilos. O passageiro pode fracionar esse limite em mais de um volume.

  • Os trens são adaptados para pessoas com deficiência?

    O Trem de Passageiros da Estrada de Ferro Vitória Minas possui um carro exclusivo para passageiros cadeirantes e seus respectivos acompanhantes, além de dois assentos gratuitos. Já na classe econômica é disponibilizada uma poltrona para atender as pessoas com dificuldade de locomoção, obesos e gestantes.

  • Há espaço para fumantes?

    Não, e não é permitido fumar a bordo.

  • É permitido levar animais?

    Não, exceto cães-guia.

  • Posso comprar a passagem no dia da viagem?

    Sim. A compra pode ser realizada até 30 minutos antes da partida programada, no caso da EFVM, e 45 minutos antes da partida, na EFC.

O novo trem de passageiros da EFVM faz um ano. Saiba mais

Veja o horário e tarifas em cada destino

Venda parcelada de passagens. Saiba mais

Onde comprar?

​​​
D�vidas