Negócios

Relatório de Produção 1T21

O relatório de produção da Vale do primeiro trimestre de 2021 (1T21) foi divulgado na segunda-feira, dia 19 de abril. Apesar dos desafios adicionais impostos pela pandemia da Covid-19 no Brasil, a empresa continua progredindo em seu plano de estabilização do Minério de Ferro, retomando o restante da capacidade paralisada no site de Timbopeba e na usina de pelotização de Vargem Grande.

Em Metais Básicos, a venda das operações de VNC foi um passo importante no compromisso da Vale de transformar o negócio, simplificando o fluxograma das operações e permitindo um foco contínuo nos ativos core. A Vale também concluiu em abril a reformulação das duas plantas de processamento em Moatize, que deverá produzir resultados sustentáveis para o negócio.

O plano de retomada avançou com o start-up da planta de filtragem de rejeitos de Vargem Grande, a primeira de quatro plantas de filtragem em Minas Gerais. A segunda planta, localizada em Itabira, deverá entrar em operação até o final de 2021.

O negócio do carvão concluiu suas atividades de manutenção em abril e está progredindo com o comissionamento de equipamentos novos e remodelados. O ramp-up da mina e planta tem conclusão prevista para o 2T21 e espera-se atingir um run-rate de produção de 15 Mtpa no 2S21.

Download do Relatório de Produção

Confira abaixo os resultados detalhados dos nossos produtos:

Níquel

  • A produção de níquel acabado ex-VNC foi de 48,4 kt no 1T21, 6,8% acima do 1T20 e 4,7% abaixo do 4T20.
  • O volume de vendas de níquel ex-VNC foi de 48,0 kt no 1T21, 8,6% superior ao 1T20, principalmente devido a maior produção em um mercado em recuperação.
  • O aumento em relação ao 1T20 foi resultado de uma operação estável em Onça Puma e do forte desempenho nas refinarias do Atlântico Norte, com Long Harbour atingindo níveis recordes de produção no primeiro trimestre.
Saiba mais sobre nossa atuação em níquel

Cobre

  • A produção de cobre atingiu 76,5 kt no 1T21, 19,0% inferior ao 1T20 e 18,2% inferior ao 4T20.
  • O volume de vendas de cobre foi de 71,2 kt no 1T21, 22,4% inferior ao 1T20, principalmente devido a menor produção e uma reprogramação de embarque não planejada.
  • Diante dos desafios no 1S21, esperamos que a produção de cobre se situe próxima ao nível inferior do guidance para este ano. No entanto, reconhecemos que a situação da Covid-19 pode causar mais atrasos na manutenção programada da planta.
Saiba mais sobre nossa atuação em cobre

Minério de ferro e pelotas

  • A produção de pelotas da Vale totalizou 6,3 Mt no 1T21, 9,2% menor do que no 1T20, como resultado da menor disponibilidade de pellet feed dos sites da Vale principalmente Itabira e Brucutu.
  • A produção de finos de minério de ferro da Vale totalizou 68,0 Mt no 1T21, 14,2% superior ao 1T20, com a Vale avançando em seu plano de estabilização e retomada operacional.
  • Os volumes de vendas de finos de minério de ferro e pelotas totalizaram 65,6 Mt no 1T21, 11% acima contra o 1T20, devido à forte produção de minério de ferro.
Saiba mais sobre minério de ferro e pelotas

Carvão

  • A produção de carvão totalizou 1,1 Mt no 1T21, tanto uma queda trimestral quanto anual devido à desaceleração da produção após os efeitos da pandemia da Covid-19.
  • O negócio do carvão concluiu suas atividades de manutenção em abril e está progredindo com o comissionamento de equipamentos novos e remodelados.
  • O ramp-up da mina e planta tem conclusão prevista para o 2T21 e espera-se atingir um run-rate de produção de 15 Mtpa no 2S21.
Saiba mais sobre nossa atuação em carvão

Relatório Financeiro – 1T21

O Relatório Financeiro do 1T21 será divulgado no dia 26 de abril. Após a divulgação, nossos principais executivos vão realizar, no dia 27 de abril, webcasts (conferências de áudio em tempo real) com analistas e investidores para apresentar os resultados do trimestre Clique aqui para saber mais informações sobre as webcasts.