Investidores

02/09/2002

CVRD: provisões para perdas na MRS

Rio de Janeiro, 02 de Setembro de 2002 - A Companhia Vale do Rio Doce (CVRD), em conformidade com as melhores práticas contábeis e procurando garantir o máximo de transparência para o mercado de capitais, adota como procedimento regular constituir, tanto em suas demonstrações contábeis em BR GAAP (princípios contábeis geralmente aceitos no Brasil) quanto em US GAAP (princípios contábeis geralmente aceitos nos EUA), provisão para perdas em todos os investimentos que se encontrarem com patrimônio líquido negativo.

Portanto, nas demonstrações contábeis da CVRD de 30 de junho de 2002 foi registrada perda de R$ 47 milhões decorrentes de sua participação indireta de 17,26% na MRS Logística S.A.(MRS), tendo em vista patrimônio líquido negativo apresentado por essa empresa. Deste total, R$ 33 milhões corresponderam à provisão para perdas e R$ 14 milhões à amortização de ágio.

Adicionalmente, a CVRD, de acordo com as práticas usuais da sua controladoria, comunicou às suas controladas Ferteco Mineração S.A. (Ferteco) e Belém - Administrações e Participações Ltda. (Belém) e à sua controlada com controle compartilhado Caemi Mineração e Metalurgia S.A. (Caemi) o procedimento por ela adotado em relação à MRS. Ferteco, Belém e Caemi detém participações acionárias na MRS.

De acordo com o press release "CVRD Finaliza a Aquisição da CAEMI", divulgado ao mercado em 07 de dezembro de 2001, a CVRD pretende manter a Caemi como companhia de capital aberto, com administração independente e conduzida dentro das melhores práticas de governança corporativa, assegurados os princípios de transparência e responsabilidade.

A constituição de provisão para perdas na MRS, ao contrário do que foi veiculado recentemente na imprensa brasileira, não revela intenção da Companhia em alterar a estrutura acionária da Caemi.

 

Para mais informações, contactar:
+55-21-3814-4540

Rogério T. Nogueira: rogerio.nogueira@vale.com
Viktor Moszkowicz: viktor.moszkowicz@vale.com
Carla Albano Miller: carla.albano@vale.com
Andrea Gutman: andrea.gutman@vale.com
Marcelo Bonança Correa: marcelo.bonanca@vale.com
Marcelo Lobato: marcelo.lobato@vale.com
Marcio Loures Penna: marcio.penna@vale.com
Samantha Pons: samantha.pons@vale.com

Esse comunicado pode incluir declarações que apresentem expectativas da Vale sobre eventos ou resultados futuros. Todas as declarações quando baseadas em expectativas futuras, e não em fatos históricos, envolvem vários riscos e incertezas. A Vale não pode garantir que tais declarações venham a ser corretas. Tais riscos e incertezas incluem fatores relacionados a: (a) países onde temos operações, principalmente Brasil e Canadá, (b) economia global, (c) mercado de capitais, (d) negócio de minérios e metais e sua dependência à produção industrial global, que é cíclica por natureza, e (e) elevado grau de competição global nos mercados onde a Vale opera. Para obter informações adicionais sobre fatores que possam originar resultados diferentes daqueles estimados pela Vale, favor consultar os relatórios arquivados na Comissão de Valores Mobiliários – CVM, na Autorité des Marchés Financiers (AMF), na U.S. Securities and Exchange Commission – SEC e no Stock Exchange of Hong Kong Limited, e em particular os fatores discutidos nas seções “Estimativas e projeções” e “Fatores de risco” no Relatório Anual - Form 20F da Vale.

​​


CVRD: provisões para perdas na MRS