Vale atualiza sobre bloqueios de recursos

Vale atualiza sobre bloqueios de recursos

18/03/2019

Vale atualiza sobre bloqueios de recursos

Rio de Janeiro, 18 de março de 2019 - ​A Vale S.A. ("Vale") informa, nos termos da Instrução CVM nº 358/2002, conforme posteriormente alterada, que teve conhecimento de decisão liminar, proferida pela 2a Vara Cível de Nova Lima em ação de Tutela Cautelar em Caráter Antecedente com Pedido Liminar, ajuizada pela Defensoria Pública do Estado de Minas Gerais e pelo Ministério Público de Minas Gerais, determinando o bloqueio de recursos no valor de R$ 1 bilhão, visando garantir eventual ressarcimento de prejuízos decorrentes da evacuação ocorrida na comunidade de São Sebastião das Águas Claras - Macacos.

Além do bloqueio de recursos, a decisão também determinou que a Vale arque com os custos de acolhimento, abrigamento, manutenção e alimentação da população evacuada, além da adoção de outras medidas visando garantir assistência à coletividade afetada. A companhia ainda não foi formalmente notificada da decisão e adotará as medidas cabíveis no prazo legal.


 

Para mais informações, contactar:
+55-21-3485-3900

André Figueiredo: andre.figueiredo@vale.com
André Werner: andre.werner@vale.com
Fernando Mascarenhas: fernando.mascarenhas@vale.com
Samir Bassil: samir.bassil@vale.com
Bruno Siqueira: bruno.siqueira@vale.com
Clarissa Couri: clarissa.couri@vale.com
Julio Molina: julio.molina@vale.com
Luiza Caetano: luiza.caetano@vale.com
Pedro Terra: pedro.terra@vale.com
Renata Capanema: renata.capanema@vale.com

Esse comunicado pode incluir declarações que apresentem expectativas da Vale sobre eventos ou resultados futuros. Todas as declarações quando baseadas em expectativas futuras, envolvem vários riscos e incertezas. A Vale não pode garantir que tais declarações venham a ser corretas. Tais riscos e incertezas incluem fatores relacionados a: (a) países onde temos operações, principalmente Brasil e Canadá, (b) economia global, (c) mercado de capitais, (d) negócio de minérios e metais e sua dependência à produção industrial global, que é cíclica por natureza, e (e) elevado grau de competição global nos mercados onde a Vale opera. Para obter informações adicionais sobre fatores que possam originar resultados diferentes daqueles estimados pela Vale, favor consultar os relatórios arquivados na Comissão de Valores Mobiliários – CVM, na U.S. Securities and Exchange Commission – SEC, e na Autorité des Marchés Financiers (AMF) em particular os fatores discutidos nas seções “Estimativas e projeções” e “Fatores de risco” no Relatório Anual - Form 20F da Vale.

​​

Vale atualiza sobre bloqueios de recursos