Vale nas Comunidades - Mato Grosso do Sul

Sustentabilidade

Vale nas Comunidades - Mato Grosso do Sul

Vale nas Comunidades

MATO GROSSO DO SUL

No Mato Grosso do Sul, a Vale mantém uma importante operação por meio de sua subsidiária integral, a Mineração Corumbaense Reunida (MCR). Nas cidades de Corumbá e Ladário, a empresa produz minério de ferro na Mina Santa Cruz e de manganês na Mina Urucum. Também possui o Porto Gregório Curvo, um porto fluvial próprio localizado em Porto Esperança, às margens do Rio Paraguai, de onde o produto é escoado para a Argentina e mercados da Ásia e Europa.

Além das operações, a Vale está presente na região com iniciativas voltadas para a geração de emprego e renda, investimentos ambientais e desenvolvimento das comunidades. Saiba mais nesta página.


Logo Balanço Vale+

Confira o relatório da nossa atuação social, ambiental e econômica no Mato Grosso do Sul em 2019. Clique na imagem ao lado para assistir ao vídeo.

Saiba mais sobre a atuação da Vale em Mato Grosso do Sul nos últimos anos:

Relatórios de trimestres anteriores
Relatório de 2019

Relatório do 1º semestre de 2019


Iniciativas

Social
Cultura
Meio Ambiente

Programa Comunidade Participativa

Instituições que promovem iniciativas sociais nos municípios de Corumbá e Ladário podem participar do Edital Programa Comunidade Participativa 2020, que selecionará e apoiará projetos sociais nestas temáticas: Geração de Trabalho e Renda, Capacitação Profissional, Saúde, Cultura e Esporte. A cada projeto selecionado será destinado até R$15 mil.

Diálogo aberto com a comunidade

A Vale tem como compromisso a realização de investimentos socioambientais nas regiões onde atua, a fim de mitigar impactos de suas operações e fomentar o desenvolvimento local. Para viabilizar esse compromisso, mantemos um engajamento permanente com as partes interessadas, em especial as comunidades de Antônio Maria Coelho, Porto Esperança e Assentamento Urucum, mais próximas de nossas operações, com as quais mantemos diálogo permanente e agendas de relacionamento anuais.

Instituto Moinho Cultural Sul-Americano

Patrocinado pela Vale há 15 anos, a instituição atende cerca de 400 crianças e adolescentes de Corumbá e Ladário, no Mato Grosso do Sul, e de Puerto Suarrez e Puerto Quijarro, nas fronteiras bolivianas. Em um ciclo de formação de oito anos, são oferecidas aulas de música, dança, idiomas, apoio escolar e educação patrimonial. O projeto já atendeu mais de 23 mil crianças e jovens.


Programa Vale Música

Lançado em 2019, o programa atende a cerca de 400 crianças e adolescentes, com ações de formação, residência musical e encontros musicais nos estados de Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Espírito Santo e Pará. Em sua maioria, são crianças e jovens em vulnerabilidade e estudantes de escolas públicas.

Roda Moinho

Em parceria com a Vale, o Instituto Moinho Cultural levou, através do projeto Roda Moinho, atividades instrumentais e de percussão para crianças das comunidades Antônio Maria Coelho e Urucum.

Viveiro Florestal

Milhares de mudas são produzidas anualmente pela Vale nas minas de Santa Cruz e Urucum, para ações internas de recuperação ambiental e doações a órgãos do poder público e a instituições locais. Desde 2000 já foram geradas quase 3 milhões de mudas, o que equivalem a 300 campos de futebol, contribuindo com a conservação da biodiversidade.

Monitoramento da avifauna

A Vale faz periodicamente o levantamento das espécies de ave ocorrentes em áreas de mineração na região do Pantanal, para avaliação da dinâmica da avifauna, conforme condições do ambiente, e monitoramento da Campainha-azul, visando sua manutenção a longo prazo.

Programa de Educação Ambiental

Programa desenvolvido pela Vale na região com o objetivo de promover a conscientização e a mobilização de empregados e moradores das comunidades de Urucum, Antonio Maria Coelho e Porto Esperança pelo desenvolvimento sustentável.

Iniciativas

Social

Programa Comunidade Participativa

Instituições que promovem iniciativas sociais nos municípios de Corumbá e Ladário podem participar do Edital Programa Comunidade Participativa 2020, que selecionará e apoiará projetos sociais nestas temáticas: Geração de Trabalho e Renda, Capacitação Profissional, Saúde, Cultura e Esporte. A cada projeto selecionado será destinado até R$15 mil.

Diálogo aberto com a comunidade

A Vale tem como compromisso a realização de investimentos socioambientais nas regiões onde atua, a fim de mitigar impactos de suas operações e fomentar o desenvolvimento local. Para viabilizar esse compromisso, mantemos um engajamento permanente com as partes interessadas, em especial as comunidades de Antônio Maria Coelho, Porto Esperança e Assentamento Urucum, mais próximas de nossas operações, com as quais mantemos diálogo permanente e agendas de relacionamento anuais.

Cultura

Instituto Moinho Cultural Sul-Americano

Patrocinado pela Vale há 15 anos, a instituição atende cerca de 400 crianças e adolescentes de Corumbá e Ladário, no Mato Grosso do Sul, e de Puerto Suarrez e Puerto Quijarro, nas fronteiras bolivianas. Em um ciclo de formação de oito anos, são oferecidas aulas de música, dança, idiomas, apoio escolar e educação patrimonial. O projeto já atendeu mais de 23 mil crianças e jovens.

Programa Vale Música

Lançado em 2019, o programa atende a cerca de 400 crianças e adolescentes, com ações de formação, residência musical e encontros musicais nos estados de Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Espírito Santo e Pará. Em sua maioria, são crianças e jovens em vulnerabilidade e estudantes de escolas públicas.

Roda Moinho

Em parceria com a Vale, o Instituto Moinho Cultural levou, através do projeto Roda Moinho, atividades instrumentais e de percussão para crianças das comunidades Antônio Maria Coelho e Urucum.

Ambiente

Viveiro Florestal

Milhares de mudas são produzidas anualmente pela Vale nas minas de Santa Cruz e Urucum, para ações internas de recuperação ambiental e doações a órgãos do poder público e a instituições locais. Desde 2000 já foram geradas quase 3 milhões de mudas, o que equivalem a 300 campos de futebol, contribuindo com a conservação da biodiversidade.

Monitoramento da avifauna

A Vale faz periodicamente o levantamento das espécies de ave ocorrentes em áreas de mineração na região do Pantanal, para avaliação da dinâmica da avifauna, conforme condições do ambiente, e monitoramento da Campainha-azul, visando sua manutenção a longo prazo.

Programa de Educação Ambiental

Programa desenvolvido pela Vale na região com o objetivo de promover a conscientização e a mobilização de empregados e moradores das comunidades de Urucum, Antonio Maria Coelho e Porto Esperança pelo desenvolvimento sustentável.

A Vale no Mato Grosso do Sul em números

R$16,5 bilhões

em investimentos ambientais

R$ 1,9 milhão

de toneladas de resíduos destinados a reprocessamento, reciclagem e reutilização

26 mil pessoas

impactadas direta e indiretamente pelas iniciativas do Programa Comunidade Participativa desde 2006
Mais de

R$400 milhões

em compras locais
*Dados de 2019



História

A Vale está há 44 anos no Mato Grosso do Sul, contribuindo para o desenvolvimento econômico, social e cultural do estado. Em 1976, a então Companhia Vale do Rio Doce (CVRD) integrou o consórcio que criou a Urucum Mineração S.A., da qual adquiriu 100% das ações em 1994, operando na região de Corumbá e Ladário. Um marco para o crescimento da empresa no Mato Grosso do Sul foi a aquisição de 100% das operações do Grupo Rio Tinto em Corumbá, a Mineração Corumbaense Reunida (MCR), concretizada em setembro de 2009. Naquele momento, a Vale já reconhecia a mina de minério de ferro da região como um ativo de classe mundial, caracterizada pelo alto teor e rica em minério granulado.

1 sem título