Sobre a Vale

23/08/2022

Conheça os destaques do Relatório de Impacto 2021 do Fundo Vale

5 mil hectares recuperados na Meta Florestal Vale 2030 nos biomas brasileiros, apoio a 122 negócios de impacto socioambientais, cerca de 29 mil beneficiados e aporte de mais de 50 milhões. Esses são apenas alguns dos destaques do relatório que apresenta a evolução da gestão e os resultados do trabalho do Fundo Vale em 2021, realizados a partir da Teoria de Mudança 2030.

Box verde onde se lê “+ R$50 milhões aportados em 2021” com um ícone amarelo simbolizando uma mão com uma moeda na ponta esquerda da imagem. Ao lado está escrito “+ R$10 milhões em fomento” com um ícone amarelo simbolizando conexões. Ao lado está escrito “+R$ 39 milhões em investimento” com um ícone amarelo simbolizando uma peça de engenho e um cifrão. Abaixo está escrito “122 negócios de impacto socioambiental” com um ícone amarelo que representa pessoas em frente a um grande prédio. Ao lado está escrito “29 mil beneficiados direta e indiretamente” com um ícone amarelo simbolizando três pessoas conectadas.

Saiba mais sobre esses avanços:

Ícone em verde e amarelo simbolizando três pessoas lado a lado​

Por meio de seus parceiros, o Fundo Vale financiou 96 empreendimentos de impacto, com cerca de 29 mil pessoas beneficiadas direta e indiretamente pelas iniciativas desenvolvidas;

Ícone em verde e amarelo simbolizando duas árvores​

Em 2021, foram recuperados mais de 5 mil hectares através de negócios de impacto socioambiental, uma das estratégias do componente de recuperação da Meta Florestal Vale 2030;

Ícone em verde e amarelo simbolizando um aperto de mãos​

Do total aportado em 2021, cerca de R$ 10,4 milhões foram aplicados via fomento (recursos não-reembolsáveis) e mais de R$ 39,8 milhões via investimento (recursos que contém expectativa de retorno financeiro);

Ícone em verde e amarelo simbolizando um alvo​

Em termos de comparação, o acumulado desde a criação do Fundo Vale, há 12 anos, é de R$ 212, 2 milhões.

2021 foi um ano muito importante para o Fundo Vale: entendemos quais os caminhos possíveis, seguimos com a Teoria de Mudança 2030 como nosso Norte, testamos se os negócios tinham capacidade de entregar os hectares propostos. Foi um ano de prova de conceito e muita clareza.

Patricia Fagundes Daros, Diretora do Fundo Vale.

Vale e Fundo Vale: saiba mais sobre essa relação

Em 2021, a relação com sua mantenedora, a Vale, foi fortalecida por intermédio da atuação do Fundo Vale na implementação de seus compromissos voluntários de sustentabilidade relacionados a floresta e clima, não só com a idealização e coordenação da Meta Florestal Vale 2030, mas com projetos inovadores como a proposta via REDD+* como alternativa ao modelo tradicional de conservação, e a incubação do Hub de Carbono, uma iniciativa de originação, desenvolvimento e gestão de projetos de carbono, NBS (Nature-based Solutions - em português, Soluções Baseadas na Natureza) e outros ativos ambientais que envolve várias áreas da Vale em uma sinergia de trabalho. Desta forma, a busca pela geração de maior impacto socioambiental positivo contribui também com os compromissos assumidos pela Vale, de proteger e recuperar 500 mil hectares até 2030, e de se tornar carbono zero até 2050.


Projetos e iniciativas de destaque

Em 2021, o Fundo Vale apoiou, junto a outros cofundadores, o lançamento da AMAZ, aceleradora de negócios da Amazônia que realizou os primeiros investimentos por meio de financiamento híbrido (blended finance) no total de R$ 25 milhões, sendo metade capital filantrópico e metade capital reembolsável. O Fundo Socioambiental Conexsus é outro caso, via organização dinamizadora, que teve um crescimento relevante no último ano. Com o Plano de Resposta ao Covid-19 o desembolso chegou a R$ 10,1 milhões no financiamento de 82 negócios comunitários de junho de 2020 a dezembro de 2021.

Uma outra experiência de destaque é a PrevisIA, parceria da Vale, via Fundo Vale, com o Instituto do Homem e Meio Ambiente da Amazônia (Imazon) e a Microsoft que culminou no desenvolvimento da ferramenta que usa inteligência artificial para a avaliação de risco e prevenção de desmatamento e queimadas na Amazônia. PrevisIA foi a única iniciativa da América Latina reconhecida entre as "100 Melhores Práticas e Ações Positivas em Biodiversidade no Mundo". A premiação foi lançada pelo Fórum de ONGs, na ONU, dentro da Conferência das Partes de Biodiversidade - COP15, em Kunming, China.

O Fundo Vale também aderiu à Iniciativa Floresta Viva, projeto do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) com o objetivo de conceder apoio financeiro a projetos de restauração florestal com espécies nativas e com sistemas agroflorestais (SAFs nos vários biomas do território brasileiro). A arrecadação será feita por meio de matchfunding, modelo de financiamento que alavanca recursos com o BNDES e uma rede de parceiros relevantes que também apoiam a iniciativa. O Fundo Vale aderiu com R$ 5 milhões com uma contrapartida de igual valor feita pelo banco.


Os avanços de 2021 reforçam nossa crença de que os resultados e impactos esperados pelo Fundo Vale só serão atingidos por meio de uma atuação em rede com nossos parceiros e muita inovação nos projetos, negócios e, sobretudo, nos arranjos. Seguimos confiantes para os próximos anos acreditando que o impacto socioambiental é o que nos orienta para o longo prazo e a atuação integrada via fomento e investimento é a chave para nossos resultados

Gustavo Luz, Gerente do Fundo Vale & Participações.

Baixe o PDF do Relatório de Impacto 2021 e saiba mais sobre a história que o Fundo Vale ajuda a construir junto ao ecossistema de impacto socioambiental do país.

​​​
​​

Conheça os destaques do Relatório de Impacto 2021 do Fundo Vale