Descaracterização de barragens

Reparação e desenvolvimento

Descaracterização de barragens

A descaracterização é o processo pelo qual a estrutura de uma barragem é reincorporada ao relevo e ao meio ambiente.

Ao ser descaracterizada, essa estrutura deixa de possuir características ou de exercer função de barragem. Deste modo, também deixa de apresentar qualquer risco para o meio ambiente e para a comunidade.

Assista ao vídeo e confira como foi realizada a descaracterização da barragem 8B, que fica em Nova lima

Planejamento

A Vale possui nove barragens com alteamento a montante que estão em fase de descaracterização.

Conheça o passo a passo deste processo:

Passe o mouse nas ilustrações para entender melhor

Toque nas ilustrações para entender melhor

Etapa 1

Incremento do Fator Segurança

Nesta etapa, são executadas ações para rebaixar o nível do material interno da estrutura. Isso é feito por meio do bombeamento de águas superficiais e da construção de canais periféricos. Além disso, algumas barragens contam com a perfuração e operação de poços profundos para bombeamento.

Etapa 2

Reforço de Segurança

Nesta fase é realizado reforço no talude da barragem para estabilizar a estrutura e evitar que ela se rompa durante as demais fases de tratamento e obras.

Etapa 3

Remoção do material e revegetação

Após o reforço, é realizada a remoção parcial ou integral de rejeitos da barragem, a depender da estrutura. Na sequência, é feito o tratamento e a revegetação dos taludes e da região do entorno com espécies nativas para reintegração da área ao ambiente local.

Etapa 4

Monitoramento e controle

A última parte do processo é o monitoramento e controle da recuperação ambiental da área após a descaracterização. Também nesse momento, é feito o acompanhamento dos parâmetros físico-químicos e da estabilidade biológica da região.

Cronograma

A Vale está progredindo com a descaracterização das barragens à montante.
Confira abaixo o calendário de ações previstas.

Localização das barragens

As nove barragens que estão sendo descaracterizadas se encontram em Minas Gerais. Confira ao lado a localização delas

Barão de Cocais - MG

Barragem Sul Superior

+ ver detalhes

Nova Lima - MG

Barragem 8B

+ ver detalhes

Barragem B3/B4

+ ver detalhes

Barragem Fernandinho

+ ver detalhes

Barragem Vargem Grande

+ ver detalhes

Ouro Preto - MG

Barragem Forquilha I

+ ver detalhes

Barragem Forquilha II

+ ver detalhes

Barragem Forquilha III

+ ver detalhes

Barragem Grupo

+ ver detalhes

Perguntas frequentes

Qual a diferença entre descaracterização e descomissionamento?

Descaracterização é o ato de intervir na estrutura com o objetivo de fazê-la perder por completo as características de barragem. Ao final das obras, a estrutura fica totalmente estável e é reincorporada ao relevo e ao meio ambiente. Já o descomissionamento é a fase do ciclo de vida da estrutura que se inicia com a confirmação de que a barragem já não é mais necessária no contexto operacional do empreendimento e, portanto, poderá ser desativada ou descaracterizada.

Com a descaracterização das barragens a montante, qual será o destino dos rejeitos dessas estruturas?

Não haverá aproveitamento dos bens minerais nas nove barragens a serem descaracterizadas. O rejeito será disposto em cavas exauridas e em pilhas de estéril e de rejeitos.

Essas obras trazem mais risco à estabilidade das estruturas?

As obras não acrescentam risco às barragens. A Vale vem adotando todas as medidas necessárias para aumentar a segurança e minimizar os riscos decorrentes das intervenções relativas ao processo de descaracterização. No caso das obras para reforço das barragens em nível 3, por exemplo, são estudadas alternativas como uso de equipamentos não tripulados (trator, escavadeiras, caminhões, entre outros tipos de equipamentos) com operação por acionamento remoto; helicóptero e teleférico de carga para acesso às áreas de risco. O objetivo é não colocar pessoas em área de riscos.

Nem todos os rejeitos serão removidos das estruturas. Ainda assim, podemos afirmar que as estruturas foram descaracterizadas e estão seguras para quem mora ou trabalha nessas localidades?

É importante frisar que o projeto de descaracterização tem como objetivo fazer com que a estrutura perca por completo as características de barragem. Ou seja, ao final das obras, as estruturas ficarão totalmente estáveis e reincorporadas ao relevo e ao meio ambiente. Em alguns casos, poderá permanecer rejeitos residuais que não comprometerão a estabilidade do terreno onde havia a barragem.

Confira outras informações sobre as barragens da Vale:

Contenção emergencial

A Vale está realizando obras de contenções para  barragens que estão em nível 3 de emergência a fim de reduzir eventuais impactos.

Leia mais +

Segurança de barragens

Conheça alguns termos específicos e as iniciativas da Vale para aumentar a segurança no entorno de suas operações

Leia mais +

Glossário

Quer entender melhor o significado de alguns termos técnicos de barragens? 

Leia mais +

Últimas notícias

Confira as últimas informações divulgadas sobre as barragens da Vale

Leia mais +