Fechamento de capital da SIBRA e CPFL

Fechamento de capital da SIBRA e CPFL

29/08/2001

Fechamento de capital da SIBRA e CPFL

Rio de Janeiro, 29 de agosto de 2001 – A Companhia Vale do Rio Doce (CVRD) comunica que em Assembléias Gerais Extraordinárias realizadas ontem, foi aprovado o cancelamento do registro de companhia aberta das suas controladas SIBRA – Eletrosiderúrgica Brasileira S.A. (SIBRA) e Companhia Paulista de Ferro Ligas (CPFL).

O edital de oferta pública de aquisição de ações de minoritários será divulgado nos próximos dias. O preço de recompra de SIBRA PNC será de R$ 5,26 por ação, valor 38% superior ao preço médio dos últimos 30 pregões (R$3,82) e 28% acima do valor patrimonial por ação da empresa em 30 de junho de 2001 (R$ 4,10). O preço de recompra de CPFL PN será de R$ 12,02 por ação, 31% mais elevado do que o preço médio dos últimos 30 pregões (R$ 9,15) e 7% acima do valor patrimonial por ação da empresa em 30 de junho de 2001 (R$ 11,21).

A oferta pública de compra de ações de SIBRA e CPFL concede liquidez aos acionistas minoritários, além de lhes proporcionar a realização à vista de eventuais ganhos futuros derivados de melhor desempenho dessas companhias os quais poderão ou não vir a se materializar.

 

Desde o início do surto de Covid-19, nossa maior prioridade é a saúde e a segurança de nossos funcionários. Nossa equipe de RI adotou o trabalho remoto e, à medida que continuamos a enfrentar essas novas circunstâncias, recomendamos que priorize contato por e-mail e ferramentas on-line.

Para mais informações, contactar:

Vale.RI@vale.com
Andre Figueiredo: andre.figueiredo@vale.com
Andre Werner: andre.werner@vale.com
Mariana Rocha: mariana.rocha@vale.com
Samir Bassil: samir.bassil@vale.com

Esse comunicado pode incluir declarações que apresentem expectativas da Vale sobre eventos ou resultados futuros. Todas as declarações quando baseadas em expectativas futuras, envolvem vários riscos e incertezas. A Vale não pode garantir que tais declarações venham a ser corretas. Tais riscos e incertezas incluem fatores relacionados a: (a) países onde temos operações, principalmente Brasil e Canadá, (b) economia global, (c) mercado de capitais, (d) negócio de minérios e metais e sua dependência à produção industrial global, que é cíclica por natureza, e (e) elevado grau de competição global nos mercados onde a Vale opera. Para obter informações adicionais sobre fatores que possam originar resultados diferentes daqueles estimados pela Vale, favor consultar os relatórios arquivados na Comissão de Valores Mobiliários – CVM, na U.S. Securities and Exchange Commission – SEC em particular os fatores discutidos nas seções “Estimativas e projeções” e “Fatores de risco” no Relatório Anual - Form 20F da Vale.

​​


Fechamento de capital da SIBRA e CPFL