Entenda o que são as barragens de rejeito
Comando para Ignorar Faixa de Opções Ir para o conteúdo principal

Entenda o que são as barragens de rejeito

18/02/2016 14:00

As barragens de rejeito são usadas para depositar os resíduos e a água gerados a partir do beneficiamento do minério. Tire suas dúvidas sobre esse processo e conheça a tecnologia revolucionária, desenvolvida pela Vale, para eliminar o uso de barragens em algumas de nossas operações.

Por que existem?

Para transformar o minério de ferro em um produto rico e que atenda às exigências do mercado internacional, ele precisa, primeiramente, passar pelo processo de beneficiamento. O beneficiamento do minério consiste em separar o material valioso presente nos minerais do restante, que não tem valor comercial. Esse processo de separação geralmente requer a utilização de água e o depósito dos resíduos em barragens.

Como são formadas?

As barragens são formadas a partir de um barramento maciço que pode ser feito de solo compactado, blocos de rocha ou rejeitos. Esse barramento possui mecanismos de impermeabilização e drenagem. O material presente nas barragens é inerte, ou seja, não contém componentes tóxicos. Ele é composto, em sua maior parte, por sílica (areia) e não apresenta nenhum elemento químico danoso à saúde.

As barragens na Vale


Como funcionam?

 

Beneficiamento à umidade natural: uma solução inovadora e sustentável

A Vale desenvolveu uma técnica revolucionária de beneficiamento de minério de ferro em regiões de alto índice pluviométrico que não utiliza água no processo. Já adotado em algumas de nossas operações, o beneficiamento à umidade natural utiliza a própria umidade do minério para retirar as impurezas. Outra grande vantagem da tecnologia é a eliminação das barragens de rejeito. O ultrafino de minério com alto teor de ferro, que iria para a barragem, não será descartado, permitindo que, em 30 anos de vida útil da mina, 300 milhões de toneladas sejam incorporados à produção.​​

​​​​​​​​​​​​​​