Monitoramento da água é intensificado em Governador Valadares
Comando para Ignorar Faixa de Opções Ir para o conteúdo principal

Monitoramento da água é intensificado em Governador Valadares

13/10/2016 16:00

Desde o final de setembro, estão sendo realizadas análises diárias do percentual de alumínio na água tratada em Governador Valadares(MG). A medida foi recomendada pelo Minis´terio Público de Minas Gerais(MPMG) e Justiça Federal, no dia 26 de setembro, e deve durar 40 dias úteis.

De acordo com os primeiros laudos, as concentrações do metal continuam abaixo de 0,2mg/L, valor máximo permitido pela Portaria nº 2.914/2011 do Ministério da Saúde. As coletas são realizadas pelo Serviço Autônomo de Água e Esgoto(SAAE), em cinco Estações de Tratamento de Água(ETAs), e acompanhadas pela Fundação Renova e pelo laboratório indicado pelo MPMG. Além disso, também são realizadas as análises semanais para água tratada e os resultados seguem dentro dos parâmetros exigidos.

Entenda

No dia 4 de agosto, o MPMG divulgou, por meio de coletiva de imprensa, o resultado de análises feitas por um laboratório contratado pelo órgão, que indicou que a concentração de alumínio total estava acima do limite previsto na legislação. A Samarco acompanhou a coleta de água pelos representantes do MPMG, no dia 5 de julho, e as amostrar colhidas pela empresa foram analisadas pelos laboratórios Mérieux NutriSciences e Tommasi, ambos acreditados pelo Inmetro. Os resultados comprovaram que não havia alterações nos parâmetros de alumínio ou metais pesados.

Fundação apresenta plano para o período chuvoso

A Fundação Renova protocolou, no último dia 5, junto ao Comitê Interfederativo(CIF), o Plano de Ações para o Período Chuvoso 2016/2017. O documento lista as ações preventivas e de contingências pensada para fazer frente aos possíveis impactos das chuvas nas regiões impactadas pelo rompimento da barragem de Fundão. Mais informações sobre o plano serão publicadas no site oficial da Fundação.

Acesse o site
 

Fundação Renova

A Fundação Renova tem a missão de implementar e gerir os programas de reparação, restauração e reconstrução das regiões impactadas pelo rompimento da barragem de Fundão, localizada no subdistrito de Bento Rodrigues, em Mariana, Minas Gerais.

O papel da Fundação é restaurar e restabelecer as comunidades e os recursos impactados pelo rompimento e também substituir ou compensar o que não é passível de remediação, sempre de forma eficiente, idônea, transparente e ética.

Saiba mais
​​​​
​​​​​​​​​​​​​​​​